Edital Novos(as) Estudantes - #VEMPROCONSERVA
Edital - Bolsa Performance - Vagas Remanescentes

Companhia de Teatro do Conservatório de Tatuí estreia espetáculo Kitembo – entre nascedouros e poentes

As apresentações serão gratuitas e acontecem em novembro

Companhia de Teatro do Conservatório de Tatuí estreia espetáculo Kitembo – entre nascedouros e poentes

17/11/2022

A Companhia de Teatro do Conservatório de Tatuí – instituição da Secretaria de Economia Criativa do Estado de São Paulo, gerida pela Sustenidos Organização Social de Cultura e considerada a maior escola de música e artes cênicas da América Latina – estreia o espetáculo “Kitembo – entre nascedouros e poentes”, na próxima sexta-feira (18), às 15h. A apresentação acontecerá no Teatro Procópio Ferreira em Tatuí. A entrada é gratuita.

Com dramaturgia inédita de Cristiane Sobral – escritora e artista da cena reconhecida internacionalmente por suas publicações e palestras em países africanos e do continente sul-americano -, a peça conta três histórias que acontecem no seio de uma comunidade. É a partir do nascimento de duas meninas, de uma misteriosa história de amor e de um chamado às mulheres para se tornarem caçadoras, que Kitembo se revela, conduzindo as chegadas e as partidas deste mundo. A obra leva ao público uma temporalidade com gosto de vida.

O trabalho conta com a participação de integrantes da Associação das Pessoas com Deficiência de Tatuí, a APODET, contracenando como atores e atrizes ao lado de estudantes bolsistas de artes cênicas e música que integram a Cia. de Teatro.

Para o Coordenador da Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí e diretor da peça, Thiago Leite, a obra de Cristiane Sobral marca a importância da pesquisa sobre teatro e democratização da arte em todo o processo de criação. “A realização do espetáculo reservou uma série de aprendizados e experiências marcantes para todo o grupo. Primeiro, pela oportunidade de trabalhar com uma dramaturga e escritora renomada como Cristiane Sobral, que nos presenteou com três histórias incríveis e vivências profundas ao longo do ano. Ela nos apresentou a um universo ficcional inspirado por diversas imagens do tempo da cosmovisão bantu”, destaca Thiago.

Leite reforça ainda a importância do trabalho realizado em parceria com a APODET no desenvolvimento da peça. “Durante todo o processo de concepção, a convivência entre pessoas com e sem deficiência – nas improvisações, nas elaborações de imagens corporais e sonoras e na investigação de recursos de acessibilidade e inclusão – foi decisiva para a construção das cenas. Nesse sentido, a presença dos integrantes da APODET foi fundamental para a criação do espetáculo. Juntos, fomos compreendendo os elementos de audiodescrição e a Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) como fios importantes para a tecitura de toda a dramaturgia”. acrescenta.

A peça faz parte da programação artística de espetáculos dos Grupos Artísticos do Conservatório de Tatuí para a temporada 2022, com apresentações marcadas para os dias 18, 19, 25 e 26 de novembro.

Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí
Sob a coordenação de Thiago Leite, a Companhia de Teatro do Conservatório de Tatuí surgiu em 2009 com o objetivo de reunir alunos e alunas bolsistas para uma experiência concentrada, que vai da criação cênica até o encontro com o público. O Grupo Artístico já circulou em festivais dentro e fora do Estado de São Paulo, sendo reconhecido em diversas premiações. Nos últimos anos, dedicou-se a encenar obras da dramaturgia brasileira contemporânea. A Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí tem raízes em diversos coletivos liderados por artistas que estiveram à frente das atividades de artes cênicas da instituição, mesmo antes da criação do Setor de Artes Cênicas, como Moises Miastkwosky – com o Grupo Sófocles e, posteriormente, Grupo de Teatro Contemporâneo – e Carlos Ribeiro e Antonio Mendes – com o Grupo Teatral Novas Tendências.

 

Ficha técnica
Atuação:
(estudantes bolsistas de Artes Cênicas): Arielle Cristina dos Santos Barbosa, Camila Alomba Pinto, Felipe Santos Rodrigues, Kaio Alexandre dos Santos Matias, Letícia Rodrigues de Morais, Luigi Lourenço da Silva, Mutilo Henrique Pires Delesposti dos Santos, Vanuly Veloso Silva

(convidados(as)): Adalberto Balcasse Lopes, Almirante Andrade, Américo Sambo, Edson Miranda, Geraldo Léu, Gustavo H. Vieira de Paula, Luana Camargo, Roque Batista Martins, Tarcísio da Silva

Músicos (estudantes bolsistas de Música): Guilherme Fernandes Freitas de Jesus, Tiago Augusto Marcos, Yuri Gonzaga Gonçalvez da Costa

 Direção: Thiago Leite

Dramaturgia: Cristiane Sobral

Assistência de direção / Orientação em diversidade: Adriana Afonso

Preparação Corporal: Rener Oliveira

Consultoria em audiodescrição: Luiz Henrique Kichel

Consultoria em cena bilíngue – LIBRAS/ Português: Amanda Lioli e Nayara Silva

Orientação em acessibilidade e inclusão: Karla Cremonez

Orientação em cosmologias africanas: Jéssica Nascimento

Figurino: Carlos Alberto Agostinho

Costureira: Ediane de Andrade

Iluminação: Camila Barbagallo

Coordenação do Grupo Artístico Cia. de Teatro: Thiago Leite

Gerência Artística e Pedagógica de Artes Cênicas: Antonio Salvador

 

 

 

 

 

SERVIÇO

Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí – “Kitembo – entre nascedouros e poentes”

Coordenação: Thiago Leite

Data: 18 de novembro
Horário: 15h

Local: Teatro Procópio Ferreira

Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí/SP

Entrada gratuita

Classificação Indicativa: Livre

 

Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí – “Kitembo – entre nascedouros e poentes”

Coordenação: Thiago Leite

Data: 19 de novembro

Horário: 20h

Local: Teatro Procópio Ferreira

Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí/SP

Entrada gratuita

Classificação Indicativa: Livre

 

Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí – “Kitembo – entre nascedouros e poentes”

Coordenação: Thiago Leite

Data: 25 de novembro

Horário: 14h

Local: Fatec Tatuí

Rod. Mario Batista Mori, 971, Jardim Aeroporto, Tatuí/SP

Entrada restrita

Classificação Indicativa: Livre

 

Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí – “Kitembo – entre nascedouros e poentes”

Coordenação: Thiago Leite

Data: 26 de novembro

Horário: 19h

Local: Sede da Associação de Amigos do Bairro Jardim Santa Rita de Cássia

Bairro Santa Rita de Cássia – Tatuí-SP

Entrada gratuita

Classificação Indicativa: Livre

 

Agradecemos aos patrocinadores do Conservatório de Tatuí que apoiam nossas atividades:

 

Patrocinador Safira: Nubank

Patrocinador Diamante: Instituto CCR e Sabesp

Patrocinador Ouro: CSN

Patrocinador Prata: Cipatex, Visa, Eixo SP e Rodovias do Tietê

Patrocinador Bronze: Faber Castell e Case IH (marca da CNH Industrial)

 

Patrocinadores Sustenidos: Nubank, VISA, Bradesco, CTG Brasil, CCR, Sabesp, Grupo Maringá, SulAmérica, Microsoft, Bayer, CSN, Novelis, Blau, Cipatex, Eixo SP, Rodovias do Tiête, Faber-Castell, WestRock, SKY, BTP, CNH Industrial, Supermercados Tauste e Castelo Alimentos.

 

Sobre o Conservatório de Tatuí: Fundado em 11 de agosto de 1954, o Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí – ou apenas Conservatório de Tatuí (SP), como é conhecido internacionalmente – é uma das mais respeitadas escolas de música e artes cênicas da América Latina. Oferece mais de 100 cursos gratuitos nas áreas de Música Erudita (instrumentos, canto e regência), Música Popular Brasileira, Artes Cênicas e Luteria. Atende aproximadamente 2 mil alunos anualmente, vindos de todas as regiões do Brasil e, também, de outros países, como Argentina, Chile, Coreia do Sul, Equador, Estados Unidos, Japão, México, Peru, Portugal, Síria, Uruguai e Venezuela. É considerado uma das mais bem-sucedidas ações culturais do Estado, oferece ensino de excelência, com a missão de formar instrumentistas, cantores, atores, regentes, educadores e luthiers de alto nível. Sua importância no cenário musical é tão acentuada que garantiu à cidade de Tatuí o título de Capital da Música, aprovado por lei em janeiro de 2007. A instituição é gerida pela Sustenidos Organização Social de Cultura.

Sobre a Sustenidos: A Sustenidos é uma organização referência na concepção, implantação e gestão de políticas públicas na área de educação musical. Atualmente, é gestora do Complexo Theatro Municipal e do Conservatório de Tatuí, além dos projetos especiais: Musicou, MOVE, Ethno Brazil e Imagine Brazil. De 2004 a 2021, também foi gestora do Projeto Guri, maior programa sociocultural brasileiro. Eleita a Melhor ONG de Cultura em 2018, a Sustenidos conta com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, de prefeituras, empresas e pessoas físicas. As instituições interessadas em investir na Sustenidos podem contribuir por verba livre ou através das Leis de Incentivo à Cultura (Federal e Estadual). Pessoas físicas também podem ajudar de diferentes maneiras. Saiba como contribuir no site da Sustenidos.

 


Conservatório de Tatuí