Edital Novos(as) Estudantes - #VEMPROCONSERVA
Edital - Bolsa Performance - Vagas Remanescentes

Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí e A Banda do Villa apresentam concerto com releituras da obra de Heitor Villa-Lobos

Espetáculo gratuito em parceria com a Funarte e Universidade Federal do Rio de Janeiro será nesta quinta-feira, 29, às 20h, no Teatro Procópio Ferreira

Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí e A Banda do Villa apresentam concerto com releituras da obra de Heitor Villa-Lobos

28/09/2022

A Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí – instituição da Secretaria de Economia Criativa do Estado de São Paulo, gerida pela Sustenidos Organização Social de Cultura e considerada a maior escola de música e artes cênicas da América Latina – recebe nesta quinta-feira, 29, às 20h, o maestro Marcelo Jardim e a solista Valquíria Porciúncula para um concerto em parceria com o projeto ‘A Banda do Villa’, que resgata partituras do compositor Heitor Villa-Lobos para banda sinfônica e banda de música. O evento é uma parceria do Conservatório de Tatuí com a Fundação Nacional das Artes (Funarte) e a Escola de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) através do programa Arte de Toda Gente, no qual estão os projetos do Sistema Nacional de Orquestras Sociais e Projeto Bandas. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser retirados via plataforma virtual INTI ou pessoalmente, na bilheteria do teatro, de terça a sexta-feira, das 13h às 16h e das 17h às 20h.

Além da apresentação da obra de Heitor Villa-Lobos, o concerto prevê a estreia do arranjo de obras de Chiquinha Gonzaga, tendo como solista a oboísta Valquíria Porciúncula. O público poderá contemplar peças que estavam sem edição ou em acervos de bandas de música no Rio de Janeiro, o espetáculo terá ainda arranjos de outras obras de Villa-Lobos, escritas originalmente para violão solo, agora em versão para banda sinfônica.

O concerto da Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí marca a primeira apresentação com repertório já gravado pela ‘A Banda do Villa’, projeto liderado pelo maestro convidado Marcelo Jardim. Em um trabalho minucioso, que contou com a parceria Faculdade de Tecnologia de Tatuí (Fatec Tatuí – Prof. Wilson Roberto Ribeiro de Camargo) em  três sessões para gravação de áudio e uma sessão para o registro de vídeo, a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí foi responsável pela preparação de todas as obras, boa parte delas arranjadas pelo compositor Hudson Nogueira, com editoração musical de Edson Lopes, ambos professores do Conservatório.

Para o regente e coordenador da Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, Marco Almeida Júnior, essas parcerias como com ‘A Banda do Villa’ são fundamentais no processo socioeducativo e cultural para alunos (as), professores (as) da instituição e músicos de todo o Brasil. “O Conservatório de Tatuí tem como missão a formação de músicos no Estado de São Paulo, mas esse trabalho extrapola barreiras geográficas, alcançando e atendendo jovens de outras localidades do país”, destaca Almeida Júnior.

 

Segundo ele, projetos como A Banda do Villa ampliam a capilaridade da proposta de formar músicos. “Essa iniciativa dá um sentido humanístico para a ação cultural, com respaldo da UFRJ e Funarte, além, é claro, de nos dar a honra de participar do movimento que resgata a obra do Villa-Lobos para banda”, destaca Almeida Júnior. O coordenador ressalta ainda que todo o repertório de Villa-Lobos gravado pela Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí ficará disponível para download gratuito nas plataformas da parceria Arte de Toda Gente No conteúdo, estão os registros audiovisuais e as partituras com partes instrumentais.

 

Dentro do contexto de parcerias com as mais importantes instituições de arte, cultura e educação ‘A Banda do Villa’ celebra a parceria com a Sustenidos Organização Social de Cultura, gestora do Conservatório Dramático e Musical de Tatuí, para que o resgate dessa importante produção musical de um dos mais consagrados compositores da América Latina possa ter ampla difusão entre o público.

Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí

 

Fundada em 1992, a Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí é formada por cerca de 50 integrantes entre alunos (as), professores (as) e músicos convidados (as). O grupo surgiu com o objetivo de promover o intercâmbio entre estudantes de nível avançado e profissionais. Desde o primeiro álbum gravado, em 1995, intitulado ‘Compositores Brasileiros’, a Banda Sinfônica registra 12 álbuns lançados, além de um DVD intitulado “15 anos”, que traz um documentário sobre o grupo exibido em 2007, com repertório que inclui Astor Piazzolla, Tom Jobim e Zequinha de Abreu.

 

A Banda do Villa

 

Sob a coordenação do maestro Marcelo Jardim, o projeto ‘A Banda do Villa’ é uma parceria da Fundação Nacional de Artes (Funarte) com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e faz parte da pesquisa de doutorado de Jardim. O maestro arranjou e editou partituras do maestro Villa-Lobos escritas originalmente para banda de música/banda sinfônica para a utilização em bandas e corais.

Desde 2011, Jardim desenvolve um estudo aprofundado sobre o tema que resultou na tese de investigação dos caminhos que o compositor trilhou para escrever tais obras, os estilos musicais retratados e o tipo de escrita direcionada à banda de música/banda sinfônica, entre inúmeras produções que incluem hinos, marchas, canções patrióticas, cívicas ou de estímulo à profissão e ao trabalho, canções folclóricas e canções populares, além de obras originais, arranjos e transcrições de outros autores, compostas ou arranjadas no período de 1912 a 1945.

O projeto tem como objetivo restaurar as partituras de cada uma das obras, mantendo suas características originais com atualização da instrumentação para a banda sinfônica e utilização do conceito principal do compositor em se observar a banda como um dos mais importantes fatores de educação musical e expressão artística.

O conjunto de obras representa um dos mais importantes exemplos do que se produziu para bandas de música na primeira metade do século XX no Brasil, com a assinatura musical de um dos mais significativos compositores do mundo. Em 2020, ‘A Banda do Villa’ iniciou a parceria Arte de Toda Gente, que inclui a Funarte e a UFRJ, para o desenvolvimento dos projetos Sistema Nacional de Orquestras Sociais – SINOS, Bossa Criativa e Um Novo Olhar. A esse conjunto de projetos incluiu-se posteriormente o Arte em Circuito e a XXIV Bienal de Música Brasileira Contemporânea, todos com a curadoria da Escola de Música da UFRJ.

 

SERVIÇO


Concerto de releitura da obra de Heitor Villa-Lobos
Convidados: Maestro Marcelo Jardim e Solista Valquíria Porciúncula
Data:
29 de setembro de 2022, quinta-feira
Horário: 20h
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP
Entrada gratuita

 

Agradecemos aos patrocinadores do Conservatório de Tatuí que apoiam nossas atividades via Lei de Incentivo à Cultura:

Patrocinador Safira: Nubank

Patrocinador Diamante: Instituto CCR e Sabesp

Patrocinador Ouro: CSN

Patrocinador Prata: Cipatex e Visa

Patrocinador Bronze: Faber Castell e Case IH (marca da CNH Industrial)

 

E aos que apoiam nossas atividades via verba direta:
Patrocinador Prata:
Eixo SP, Rodovias do Tietê

Patrocinadores Sustenidos: Nubank, VISA, Bradesco, CTG Brasil, CCR, Sabesp, Grupo Maringá, SulAmérica, Microsoft, Bayer, CSN, Novelis, Blau, Cipatex, Eixo SP, Rodovias do Tiête, Faber-Castell, WestRock, SKY, BTP, CNH Industrial, Supermercados Tauste e Castelo Alimentos.

Sobre o Conservatório de Tatuí: Fundado em 11 de agosto de 1954, o Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí – ou apenas Conservatório de Tatuí (SP), como é conhecido internacionalmente – é uma das mais respeitadas escolas de música e artes cênicas da América Latina. Oferece mais de 100 cursos gratuitos nas áreas de Música Erudita (instrumentos, canto e regência), Música Popular Brasileira, Artes Cênicas e Luteria. Atende aproximadamente 2 mil alunos anualmente, vindos de todas as regiões do Brasil e, também, de outros países, como Argentina, Chile, Coreia do Sul, Equador, Estados Unidos, Japão, México, Peru, Portugal, Síria, Uruguai e Venezuela. É considerado uma das mais bem-sucedidas ações culturais do Estado, oferece ensino de excelência, com a missão de formar instrumentistas, cantores, atores, regentes, educadores e luthiers de alto nível. Sua importância no cenário musical é tão acentuada que garantiu à cidade de Tatuí o título de Capital da Música, aprovado por lei em janeiro de 2007. A instituição é gerida pela Sustenidos Organização Social de Cultura.

Sobre a Sustenidos: A Sustenidos é uma organização referência na concepção, implantação e gestão de políticas públicas na área de educação musical. Atualmente, é gestora do Complexo Theatro Municipal e do Conservatório de Tatuí, além dos projetos especiais: Musicou, MOVE, Ethno Brazil e Imagine Brazil. De 2004 a 2021, também foi gestora do Projeto Guri, maior programa sociocultural brasileiro. Eleita a Melhor ONG de Cultura em 2018, a Sustenidos conta com o apoio do Governo do Estado de São Paulo, de prefeituras, empresas e pessoas físicas. As instituições interessadas em investir na Sustenidos podem contribuir por verba livre ou através das Leis de Incentivo à Cultura (Federal e Estadual). Pessoas físicas também podem ajudar de diferentes maneiras. Saiba como contribuir no site da Sustenidos.

 


Conservatório de Tatuí