Institucional 6
Institucional 5
Institucional 4
Institucional 3
Institucional 2
Banner Institucional 1

Grupo de Choro Jovem do Conservatório de Tatuí

Grupo de Choro Jovem do Conservatório de Tatuí

Criado em 2009, o Grupo de Choro Jovem do Conservatório de Tatuí reúne alunos de nível intermediário que frequentam os cursos de instrumento da Área de Choro da instituição. O grupo garante aos estudantes a vivência da Prática de Conjunto, preparando-os para atuar futuramente nas mais variadas formações de banda e grupos deste gênero musical.

Altino Toledo

Altino Toledo

Bandolinista, fundou, com Alexandre Bauab Jr., o Grupo de Choro do Conservatório de Tatuí (Grupo de Choro Quebrando Galho). Atualmente, é graduando em Educação Musical na USFCar (Universidade Federal de São Carlos).
Introduziu o ensino do bandolim no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí, dentro do núcleo de choro, instituição na qual é professor de bandolim e prática de choro desde 1999.
Como professor, ministrou aulas em festivais como o 25º Festival de Londrina (aulas de bandolim e prática de choro); em três edições do Festival de Ourinhos (aulas de prática de choro); e em workshops e concertos didáticos nas cidades de Jaú, Bauru, Ribeirão Preto, Santos e em Tatuí.
Participou de mais de cem apresentações públicas em mais de cinqüenta diferentes cidades do Estado de São Paulo, dentre elas destacam-se as realizadas com músicos reconhecidos nacional e internacionalmente como Naylor “Proveta”, Altamiro Carrilho e Humberto Araújo. Com o Grupo de Choro Quebrando Galho gravou CD homônimo. Ainda no campo das gravações, participou como bandolinista do CD “Soleil” da cantora Clementine (lançado pela Sony Music), do CD “Horn Brasil” de Adalto Soares e do CD “Choro Canção” do grupo Casa de Marimbondo.
Como bandolinista do Grupo de Choro do Conservatório de Tatuí (Quebrando Galho) gravou programas de televisão como o Sinfonia Fina (série exibida pela TV Cultura em 2007), Jazz&Cia. (TV Cultura) e Instrumental Sesc Brasil (STV). Foi premiado por duas vezes (segundo e terceiro lugares) no Prêmio Nabor Pires de Camargo.
Apresentou-se em algumas das principais casas de eventos e teatros do país, como o “Cláudio Santoro” (Campos do Jordão) e Memorial da América Latina (São Paulo). Com a Orquestra Violões & Cia. e com quarteto de choro realizou inúmeras apresentações nas cidades de Manhein e Heidelberg (Alemanha), em 2008.

« voltar | Topo da página ↑
Site: Agência Digimeta