MOVE
2PSE 2024
Institucional 2
Banner Institucional 1

POLO DE RIO PARDO – Prêmio Incentivo à Música de Câmara 2014

São José do Rio Pardo, 13 de novembro de 2014.

Informativo nº 30/2014

Assunto: 2º PRÊMIO INCENTIVO “MÚSICA DE CÂMARA” DO POLO DO CONSERVATÓRIO DE TATUÍ EM SÃO JOSÉ DO RIO PARDO

 

REGULAMENTO

1. Dos Objetivos

1.1. Incentivar a formação de grupos para prática camerística, promovendo intercâmbio cultural entre estudantes e apreciadores de música.

1.2. Revelar, incentivar talentos e propiciar oportunidades de formação de grupos estáveis de Música de Câmara.

1.3. Divulgar a atividade de Música de Câmara em geral.

1.4. Desenvolver a prática musical, a performance de palco e a comunicação através dos diferentes repertórios para grupos de câmara.

 

2.Da Realização

2.1. O Prêmio será realizado dentro das atividades da 4ª Semana de Música de Câmara e Prática de Conjunto do Polo do Conservatório de Tatuí em São José do Rio Pardo, que se realizará entre os dias 05 e 12 de dezembro de 2014.

 

3.Das Inscrições:

3.1. Inscrições gratuitas poderão ser realizadas até o dia1º de dezembro, pessoalmente, na Secretaria do Polo. As inscrições serão aceitas mediante os seguintes documentos:

– Ficha de inscrição.

– Arquivo em pdf ou cópia simples da partitura da peça ou movimento escolhido.

– Release do grupo em arquivo Word97/2003 (com máximo de 15 linhas, Calibri 11).

 

4.Do Programa

4.1. Cada grupo poderá inscrever apenas 1 (uma) obra ou movimento do seu repertório do 2º bimestre de 2014/2 (original, arranjo ou adaptação), a ser avaliada pela Banca Especial do “Prêmio Incentivo”.

4.2. A peça ou movimento escolhido não pode ter sido apresentado na 3ª Semana de Música de Câmara e Prática de Conjunto que ocorreu ao final do 1º bimestre de 2014/2.

4.3. O restante do repertório trabalhado no 2º bimestre de 2013/2 comporá normalmente os concertos da 4ª Semana de Música de Câmara e Prática de Conjunto e terá sua avaliação bimestral realizada por uma banca de professores de Música de Câmara diferente da Banca Especial.

 

5. Das Avaliações

5.1. As obras poderão ser executadas de memória ou com a utilização de partituras.

5.2. Os critérios de avaliação serão: postura, andamento, ritmo, afinação, dinâmica, articulação, fraseado, sonoridade, estilo e segurança.

 

6. Da Banca Especial de Avaliação

6.1. Haverá somente uma Banca Especial de professores para avaliação geral de todos os grupos.

6.2. A Banca Especial será formada por professores que não lecionam Música de Câmara, para que a imparcialidade seja preservada.

6.3. As decisões da Banca Especial de Avaliação serão irrevogáveis.

6.4. Não haverá empates.

6.5. O Grupo deverá assistir ao concerto na sua íntegra, resultando em desclassificação caso algum de seus integrantes deixe o local de concerto sem justificativa válida, previamente apresentada à coordenação.

 

7. Das premiações

7.1. Cada integrante premiado do primeiro ao terceiro lugar receberá certificado de comprovação para currículo.

7.2. Serão conferidos aos três melhores classificados:

1º lugar – Kit institucional e 1 (um) Recital Especial dentro da 1ª Semana de Música de Câmara e Prática de Conjunto de 2015.

2º lugar – Kit institucional e 1 (um) Sarau Especial na Temporada do 1º semestre de 2015 do Polo.

3º lugar – Kit institucional

 

Cordialmente,

Demerval Aires Keller Júnior

Coordenador do Polo do Conservatório de Tatuí em São José do Rio Pardo

Site: VSEIS