Banner - Ingressos INTI
Edital Novos(as) Alunos(as) - #VEMPROCONSERVA
Edital - Bolsa Performance - Vagas Remanescentes

Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí estreia obras de João Rocha e Amy Beach

Quarto concerto do grupo nesta temporada será realizado na próxima quarta-feira, dia 22, às 20h30, no Teatro Procópio Ferreira, com entrada gratuita

Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí estreia obras de João Rocha e Amy Beach

20/06/2022

A Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí – instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, gerido pela Sustenidos Organização Social de Cultura e considerada a maior escola de música e artes cênicas da América Latina – volta ao palco do Teatro Procópio Ferreira nesta quarta-feira, dia 22, às 20h30, sob a regência do maestro Emmanuele Baldini. O concerto terá como destaque a estreia de duas obras: “Post Mortem”, do compositor brasileiro João Rocha, e “Sinfonia nº 3”, da compositora Amy Beach. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser retirados pela plataforma virtual INTI ou na bilheteria do teatro, aberta de terça a sexta, das 13h às 16h e das 17h às 20h.

De acordo com Baldini, as duas obras do programa são simbolicamente muito importantes. “Uma obra nunca executada antes, estreia mundial, a peça de João Rocha é uma reflexão sobre o sentido da morte. Brasileiro radicado nos Estados Unidos, o jovem João Rocha explora musicalmente o profundo da alma humana em seu ‘Post Mortem’. Amy Beach escreveu sua ‘Sinfonia nº 3 quase 130 anos atrás, e essa obra foi a primeira obra sinfônica escrita por uma mulher, jamais publicada. Inspirada na cultura celta – daí vem o título ‘Gaelica’ – é um monumento grandioso, cheio de inspiração”, descreve o maestro.

A Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí foi criada em 1985 e tem cerca de 60 integrantes. Tem como objetivo propiciar aos(às) bolsistas uma ampla experiência do repertório sinfônico e uma antevisão de um possível ambiente de trabalho. Já recebeu regentes convidados consagrados, como Roberto Tibiriçá e Gottfried Engels. Também convidou solistas renomados, como Alex Klein, Fabio Cury, Rosana Lamosa, Emmanuele Baldini, entre muitos outros.

Seu coordenador e regente titular, Emmanuele Baldini, é Spalla da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, regente titular da Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí e membro do Quarteto de Cordas OSESP. Nascido em Trieste, Itália, iniciou os estudos de violino com Bruno Polli. Aperfeiçoou-se na classe de virtuosidade de Corrado Romano em Genebra, com Ruggiero Ricci em Berlim e Salzburgo e, em música de câmara, com o Trio de Trieste e com Franco Rossi, violoncelista do Quartetto Italiano. Recebeu o Prêmio de Melhor Instrumentista da Associação Paulista dos Críticos de Arte – APCA (2017) e foi agraciado pelo Governo do Estado de São Paulo com a Medalha Tarsila do Amaral por seus méritos artísticos (2021). Venceu o primeiro concurso internacional aos 12 anos e, mais tarde, o Virtuositè de Genebra e o primeiro Prêmio do Fórum Junger Künstler de Viena. Apresentou-se em recitais nas principais cidades italianas e europeias e participou de longas turnês pela América do Sul, Estados Unidos, Europa, Austrália e Japão. Tem gravados mais de 40 CDs, entre outras importantes atuações.

SERVIÇO
Concerto: Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí
Regência:
Emmanuele Baldini
Data:
22 de junho de 2022, quarta-feira
Horário: 20h30
Local:
Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Centro, Tatuí-SP
Entrada gratuita
Ingressos podem ser retirados pela plataforma virtual INTI ou na bilheteria do teatro, aberta de terça a sexta, das 13h às 16h e das 17h às 20h.

 

Patrocinadores do Conservatório de Tatuí:
Patrocinador Safira: Nubank

Patrocinadores Diamante: Instituto CCR e Sabesp
Patrocinador Ouro:
CSN
Patrocinadores Prata:
Cipatex, Eixo SP, Rodovias do Tietê e VISA

Patrocinadores Bronze: Faber-Castell e Case IH (marca da CNH Industrial)

 

Patrocinadores Sustenidos: Microsoft e Visa
Apoio institucional: Instituto ACP
Parceiro internacional: JM International

Sobre o Conservatório de Tatuí: Fundado em 11 de agosto de 1954, o Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí – ou apenas Conservatório de Tatuí (SP), como é conhecido internacionalmente – é uma das mais respeitadas escolas de música e artes cênicas da América Latina. Oferece mais de 100 cursos gratuitos nas áreas de Música Erudita (instrumentos, canto e regência), Música Popular Brasileira, Artes Cênicas e Luteria. Atende aproximadamente 2.000 alunos anualmente, vindos de todas as regiões do Brasil e, também, de outros países, como Argentina, Chile, Coreia do Sul, Equador, Estados Unidos, Japão, México, Peru, Portugal, Síria, Uruguai e Venezuela. É considerado uma das mais bem-sucedidas ações culturais do Estado, oferece ensino de excelência, com a missão de formar instrumentistas, cantores, atores, regentes, educadores e luthiers de alto nível. Sua importância no cenário musical é tão acentuada que garantiu à cidade de Tatuí o título de Capital da Música, aprovado por lei em janeiro de 2007. A instituição é mantida pelo Governo do Estado de São Paulo e por empresas patrocinadoras, por meio de leis de incentivo fiscal, sob a gestão da Sustenidos Organização Social de Cultura.

Sobre a Sustenidos: A Sustenidos é a organização responsável pela gestão do Conservatório Dramático e Musical de Tatuí e do Theatro Municipal de São Paulo, dos programas Musicou, Som na Estrada, e MOVE (Musicians and Organizers Volunteer Exchange); e pelos festivais Ethno Brazil e Imagine. Foi responsável pela gestão do Projeto Guri, programa de ensino musical, no litoral e no interior do Estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação CASA, de 2004 a 2021. Além do Governo de São Paulo, a Sustenidos, eleita a Melhor ONG de Cultura de 2018, conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Sustenidos, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm suporte fiscal da Lei Federal de Incentivo à Cultura e do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir no site da Sustenidos.