Institucional 6
Institucional 5
Institucional 4
Institucional 3
Institucional 2
Banner Institucional 1

Conservatório de Tatuí leva teatro para as aulas virtuais da rede pública

Projeto Teatro em Rede, desenvolvido pela Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí, apresenta espetáculo infantojuvenil nas salas remotas das escolas municipais

Conservatório de Tatuí leva teatro para as aulas virtuais da rede pública

23/10/2020

O Conservatório de Tatuí – instituição da Secretaria de cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo – lançou nesta semana o projeto “Teatro em Rede”, que visa levar peças teatrais para as aulas virtuais da rede pública municipal de ensino. A iniciativa é da Cia. de Teatro da instituição e deve atender aproximadamente 300 estudantes até o final de novembro, com apresentação do espetáculo infantojuvenil “Flicts”, baseado na obra de Ziraldo. As primeiras turmas contempladas são da Escola Municipal EMEF Profª Lígia Vieira de Camargo Del Fiol, que adoraram a novidade.

O coordenador da Cia. de Teatro, Carlos Doles, conta que o projeto “Teatro em Rede” é fruto das restrições impostas ao planeta pela pandemia de Covid-19. “Nós começamos o ano cheios de ideias e propostas de espetáculos. Faríamos um projeto autoral com as atrizes do grupo, baseado em criação colaborativa, e também montaríamos um grande espetáculo infantil com os alunos bolsistas. Aí veio a pandemia e tudo parou. Depois de algum tempo, começamos a pensar em como fazer teatro online e assim surgiu o projeto ‘Teatro em Rede’. Por que não pensarmos em textos infantis curtos que possamos fazer nas plataformas de aulas virtuais? E resolvemos entrar nas salas de aulas virtuais das escolas”, conta.

O texto escolhido para a estreia do projeto é “Flicts”, de Ziraldo. “Chegamos a ele por ser literatura e por nos possibilitar brincar bastante com personagens e figuras, além de abordar um tema interessante para o público infantojuvenil e ter ‘cara’ de contação de história. Só precisávamos fazer uma adaptação para esse ambiente virtual. Porque nossa ideia era levar a contação de história para o vídeo, fazer algo que as pessoas pudessem assistir virtualmente. Queremos entrar de fato nas salas de aulas virtuais e surpreender as crianças com nossa apresentação. O Conservatório de Tatuí sempre promove espetáculos didáticos nas escolas e, normalmente, a Cia. de Teatro se apresenta no pátio das escolas. Como não temos pátio esse ano, entramos na sala virtual”, comenta Doles.

A peça é apresentada ao vivo, cada atriz na sua casa, cada aluno e professor na sua casa. Para garantir a atenção do público, o grupo explora diferentes recursos visuais, incluindo figurinos, objetos cênicos e os próprios recursos das plataformas de aprendizagem virtual. O resultado é um espetáculo dinâmico, divertido e capaz de arrancar lindos sorrisos dos espectadores.

A estreia foi realizada com duas sessões no ambiente virtual da EMEF Profª Lígia Vieira de Camargo Del Fiol, que reuniram cerca de 60 estudantes com idades entre 7 e 10 anos. Ao final das apresentações, as atrizes e o coordenador fizeram um bate-papo com as crianças, que disseram ter adorado a experiência. Como o pequeno André, 7 anos, que disse ter amado a apresentação e só ficou chateado ao descobrir que não poderia compartilhar o espetáculo com os amiguinhos. “Foi ao vivo, não foi gravado, então, não dá para compartilhar. Mas você pode convidá-los para ver na aula virtual de amanhã, André”, sugeriu Doles.

“Flicts”
Baseada em uma das obras mais importantes do escritor Ziraldo, a peça conta a história de uma cor chamada “Flicts”, que não tem lugar no mundo. “Ninguém a conhece e essa cor vive tentando achar um lugar para si. Ela busca no jardim, no arco-íris, na caixa de lápis de cor, mas ela não é aceita por nenhum deles. ‘Flicts’ é aquela cor ‘não-cor’, ela está lá, mas ninguém a reconhece, como acontece com o vibrante vermelho, o intenso amarelo, por exemplo. Ela procura seu espaço, mas é rejeitada em todos os lugares. Tem um final bem bonito, ela acha seu lugar e é bem poético. A obra fala da dificuldade de aceitação e faz uma leitura metafórica da própria mescla de cores da pele do brasileiro. Tudo de uma forma bem lúdica e com a mensagem implícita”, descreve o coordenador.

A Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí é formada por professores-monitores e alunos bolsistas da instituição. Neste projeto, o elenco traz as professoras e atrizes Adriana Afonso, Dalila Ribeiro e Fernanda Mendes, sob coordenação e direção de Carlos Doles. O projeto “Teatro em Rede” já tem novas apresentações agendadas nas salas virtuais da Escola Municipal Firmo Antonio de Camargo Del Fiol e deve continuar até o final de novembro.

SERVIÇO
Projeto “Teatro em Rede”
Espetáculo “Flicts”, baseado na obra de Ziraldo
Cia. de Teatro do Conservatório de Tatuí
www.conservatoriodetatui.org.br